The Blood Of Olympus
Bem Vindo Convidado! É de seu interesse participar deste fórum?
Um rpg dos livros PJO E HDO do autor Rick Riordan! Torne-se um semideus
e viva altas aventuras!

A Cachoeira - Local Público Oficial

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

A Cachoeira - Local Público Oficial

Mensagem por Nêmesis em Dom Jun 15, 2014 8:19 pm

a CACHOEIRA

Localizada na parte leste da floresta, é o lugar mais calmo do Acampamento. Lar de várias náides e ponto preferido dos campistas para encontros românticos, é um paraíso no meio do verde. Possui uma flora vívida e uma fauna não perigosa, as águas são límpidas, sempre agradáveis, e refletem os raios tanto solares quanto lunares.

_________________The Blood Of Olympus____________________

would you be scared?
I GET THIS FEELING JUST BECAUSE EVERYTHING I TOUCH ISN`T DARK ENOUGH IF THIS PROBLEM LIES ON ME

avatar
Nêmesis
Deuses Menores
Deuses Menores

Mensagens : 27
Pontos : 57
Reputação : 1
Data de inscrição : 15/06/2014

Ficha do personagem
EXP:
99999/99999  (99999/99999)
Nível: 99999
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Cachoeira - Local Público Oficial

Mensagem por Octavia van Charbonneau em Ter Jun 17, 2014 12:25 pm


you took a left off last laugh lane ♛
Started all the naughty nights with niceness

- Bem vindos ao Acampamento Meio-Sangue, gafanhotos - Disse, enquanto empurrava um trio de novos semi-deuses saídos do forno colina acima. Essa era minha quarta missão de resgate no mês, o que apenas me levava a pensar que o Sr. D. gostava de me ver servindo de babá - Por favor, mexam essas bundas gordas! Aquele lestrigão não vai esperar para sempre na armadilha...

Deuses, os novatos estavam ficando cada vez mais lerdos. Será que eles não entendiam que corriam perigo de vida? Inúteis, pensei comigo mesma. Não me lembro de ser tão mundana quando fui resgatada. Não consegui conter um suspiro de irritação enquanto corria na direção do Pinheiro de Thalia, torcendo para que os semi-deuses estivessem logo atrás de mim. Assim que passamos pela barreira mágica de proteção, ouvi um rugido vindo de longe, um aviso de que nosso perseguidor escapara da nossa jaula improvisada. Apoiei-me no pinheiro, rindo de satisfação. Poderia ter sido um saco essa missão, mas, pelo menos, deixei um lestrigão bem puto da vida. Um sorriso malicioso se abriu em meus lábios ao observar meus "protegidos" ofegantes e confusos, um deles parecia prestes a fazer xixi na calça. Filho de Afrodite, talvez.

Arrumei minhas roupas mortais de disfarce e acenei para que me seguissem, tinha que me livrar daquele fardo. Passar uma linda tarde de primavera servindo de guia turística do Acampamento era a última coisa na minha lista de desejos. Muitos campistas achavam a maneira como eu simplesmente largava os novatos meio cruel, porém não questionavam. Eu era bem conhecida aqui, talvez pelo fato de ser uma das campistas mais antigas, ou pelas minhas atitudes ligeiramente precipitadas, portanto nunca questionariam meus métodos. Nenhum semi-deus da minha tutela acabou aleijado, demente ou com diarréia, e isso certamente é uma vitória.

- Charlie! Charlote! - Acenei para meu melhor amigo que conversava com uma filha de Apolo qualquer. Estava morrendo de saudades dele, porém não era hora para botar a conversa em dia. Eu precisava dele para outra coisa.- Charles, eu estou morrendo de dor na... Perna, isso, dor na perna. Preciso ir à enfermaria imediatamente. Você poderia cuidar dos meus gafanhotos novos? - Minha voz saiu com uma doçura exagerada, e ele olhava para mim como se eu fosse louca. Charlie mais do que ninguém sabe que eu não sinto "dor na perna", ou estou ótima, ou estou morrendo. Nunca algo intermediário. Ele revirou os olhos para mim e sussurrou "você me deve uma", guiando o pequeno grupo para longe.

- Te amo, Char! - Gritei, rindo. Me sentia leve como sempre que voltava ao Acampamento, e saltitei na direção da floresta. Estava um calor infernal e eu precisava da sombra daquelas árvores. Cumprimentei alguns amigos no caminho, roubei o chapéu de um sátiro que exagerou na cidra... O básico. Assim adentrei o verde da mata, senti um vento delicioso bagunçar meus cabelos. Caminhei na direção do riacho que corre por lá, tirei minhas botas e molhei meus pés. Casa, finalmente.

ocatvia wears this music: Fluorescent Adolescent - Arctic Monkeys humor: whatevs note: eu sou o lobo mal -q

_________________The Blood Of Olympus____________________


i know we're not everlasting
octavia van charbonneau

avatar
Octavia van Charbonneau
Líder do Chalé
Líder do Chalé

Mensagens : 23
Pontos : 25
Reputação : 1
Data de inscrição : 15/06/2014

Ficha do personagem
EXP:
100/100  (100/100)
Nível: 1
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Cachoeira - Local Público Oficial

Mensagem por Alayna Grace Archdeacon em Ter Jun 17, 2014 7:38 pm


And your pastimes  consisted
of the strange
Twisted and deranged

Acordei mais cedo que o costume, com o toque do meu celular me ensurdecendo. Peguei-o do criado mudo Olhei para a tela, era um número desconhecido de outra cidade, e ainda eram dez e meia da manhã. Atendi a ligação, com expectativa de não ser nada importante e eu poder voltar a dormir logo.  A voz do outro lado soava familiar, me chamava de um apelido que eu não ouvia há anos, "Ally". Então caiu a ficha, e anos e anos de memória que eu tentara apagar com álcool e drogas voltaram de uma vez, devastando tudo em seu caminho.
Faziam cinco anos que eu não via minha mãe. Então eu recebo uma ligação dela, contando novidades ótimas e como ela sentia minha falta, mas eu não conseguia prestar atenção.
Lágrimas escorriam pelo meu rosto, e a voz do outro lado me fez voltar para a realidade, chamando meu nome suavemente como só ela fazia quando eu era pequena.
-Ally, querida? Ainda está aí? Finalmente estou livre de drogas!
- exclamava a voz ao telefone.
Queria poder dizer o mesmo, pensei. Eu não era a garotinha quieta de onze anos que ela estava esperando rever, nem como minha irmã mais velha, exemplar como só ela.
Então eu desliguei, sem saber mais o que fazer. Coloquei um casaco preto por cima do pijama largo e calcei uma sandália, pegando meu celular e uma caixa de cigarros em cima da mesa, saindo para algum lugar onde poderia ficar sozinha, sem nenhum líder de chalé ou monitor do Acampamento me xingar por estar fumando novamente, peguei um da caixa, acendendo-o após colocar-lo na boca. Acalmando-me com a droga, paro para pensar no ocorrido, sem prestar no caminho que andava.
Tantas coisa tinham na minha cabeça no momento, que só fui voltar a consciência quando afundei o pé em algo molhado.
-Droga! - grito, olhando para baixo vendo que estava na margem da cachoeira. Peguei a sandália antes que flutuasse para longe, tirando meu pé da água. Quando finalmente percebi a presença de outra pessoa, com os pés na água e parecia sentir prazer nisso. Sequei minhas lágrimas antes de chamar atenção da garota loira, filha de Hécate que estava no acampamento ainda mais do que eu.
- Oc? O que faz aqui? - digo, tirando o cigarro da boca e soltando a fumaça em direção oposta a ela.
All Rights Reserved for Larissa

_________________The Blood Of Olympus____________________


and how you liked to aggravate
ON RAINY AFTERNOONS
thanks to Larissa
avatar
Alayna Grace Archdeacon
Filhos de Hades
Filhos de Hades

Mensagens : 16
Pontos : 21
Reputação : 1
Data de inscrição : 16/06/2014

Ficha do personagem
EXP:
100/100  (100/100)
Nível: 1
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Cachoeira - Local Público Oficial

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum